Noticias

Bugatti retoma a produção em Molsheim!

Após uma “pausa” de 6 semanas, a Bugatti retomou a produção na sua fábrica em Molsheim, em França, onde o Bugatti Chiron e o Bugatti Divo “ganham vida”!

No regresso ao trabalho, os funcionários devem cumprir uma série de regras, que seguem as recomendações do governo francês e de especialistas internacionais.

Cada trabalhador receberá uma máscara protetora ao chegar ao local de trabalho, esta máscara tem de ser usada durante toda a permanências nas instalações. Na lista de “obrigações” consta a limpeza das ferramentas antes e depois da sua utilização, assim como a lavagem constante das mãos. A marca está ainda a promover o distanciamento social, incentivando os funcionários a permanecer a uma distância de pelo menos 1,5 metros.

As entregas serão reduzidas, assim como as assistências, enquanto os restantes processos terão o menor contacto possível entre funcionários, sempre que possível. As reuniões serão realizadas via skype.

“Faremos tudo o que for necessário para garantir a segurança dos nossos funcionários. Sempre que possível, podem trabalhar a partir de casa e há um número máximo de funcionários em cada local das instalações, para que estejam o menor tempo possível em contacto ”, afirmou o presidente Stephan Winkelmann. “Com a ajuda das medidas de segurança, estamos finalmente a fabricar automóveis à mão. Um sinal importante para todos os nossos funcionários e clientes “.

Para além das novas recomendações, os funcionários da Bugatti terão que medir a sua temperatura sozinhos todas as manhãs, para garantir que não têm febre. Os mesmos também terão que estar cientes de outros sintomas do novo coronavírus, que lhes permitirão trabalhar sem riscos, mantendo as suas famílias e colegas em segurança.

Artigo anterior

Este seria o sucessor do Alfa Romeo 4C aos olhos de Yung Presciutti!

Artigo seguinte

Mercedes 560 Wagon: A carrinha que Estugarda não construiu!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.