Artigos

Ferrari 335 S ganha Concorso d‘Eleganza Villa d’Este!

Um Ferrari 335 S de 1958, que faz parte da colecção do magnata farmacêutico austríaco Andreas Mohringer levou para casa o prémio Best of Show na edição de 2018 do Concorso d’Eleganza Villa d’Este no Domingo Passado.

Este automóvel é raro, pois foram concebidos apenas 4, foi um dos 51 carros de corrida que participaram do evento e agora é o quinto carro italiano nomeado Best of Show nos últimos cinco anos.

A carroçaria é bela e concebida pela Scaglietti, os membros do júri, liderados Lorenzo Ramaciotti, chefe de design da FCA, ficaram particularmente satisfeitos com a sua raridade e engenharia impressionante.

“O Ferrari 335 foi o carro desportivo mais potente e rápido da Ferrari durante alguns anos”, explicou Lorenzo Ramaciotti. “O facto do restauro deste automóvel ter sido guiado pelos mais altos padrões da originalidade, também ajudou a que este modelo recebesse o conceituado prémio.”

Esta evolução do Ferrari 315 S contava com um motor 4.0 Litros V12 com 400cv de potência. Este foi o automóvel com uma das velocidades médias mais elevadas nas 24h Le Mans em 1957, chegando aos 252km/h.

Andreas Mohringer adquiriu este automóvel em 2013 por cerca de 19 milhões de euros. Este é o mais recente dos 4 automóveis concebidos, sendo que o mais famoso foi o que sofreu um acidente em 1957 no Mille Miglia. Outro exemplar foi vendido há 2 anos por mais de 30 milhões de euros.

O carro de Andreas Mohringer tem uma história interessante fora do automobilismo. Este automóvel foi resgatado de um depósito da alfândega dos EUA em Nova York por menos de 1000€. Após a sua carreira no automobilismo, a Ferrari vendeu este automóvel através do distribuidor americano Luigi Chinetti a um senhor do Texas chamado Alan Connell.

Allan Connel levou este Ferrari para a marca em Itália para o motor ser revisto e trabalhado, quando o automóvel chegou à alfandega, o custo de reparação foi tão grande que nem o concessionário nem o seu proprietário se atreveram a retirá-lo do barco. Gordon Tatum, um revendedor de automóveis de Maryland, encontrou este automóvel e pagou a taxa de armazenamento de cerca de 1000€ e assumiu a propriedade. Desde então, tem proprietários no Reino Unido e no Japão e agora também na Áustria.

Artigo anterior

Porsche cria fundação Ferry Porsche!

Artigo seguinte

Mazda CX-3 1.5 SKYACTIV-D Excellence: Elegância Nipónica!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.