Noticias

Novo Renault Captur revelado!

Após a apresentação internacional do novo Renault Clio que teve lugar em Évora, a Renault decidiu revelar o Crossover Renault Captur.

A estreia oficial está prevista para o salão automóvel de Frankfurt, que será mais próximo do final do ano. As imagens reveladas pela marca dão a conhecer um design totalmente novo e distinto. O crossover Francês aparece mais desportivo e dinâmico. No interior há maior harmonia e praticabilidade, bem como novas tecnologias.

O segundo modelo da Renault a usar a nova plataforma CMF-B após o Clio, é o novo Renault Captur que aparece mais comprido em cerca de 110mm. Este aumento de comprimento faz com que os pasageiros dos assentos traseiros tenham mais 17mm de espaço para as pernas, quanto a bagageira também se vê aumentada em 81 Litros, apresentando agora 536 Litros de capacidade. O novo Renault Captur também tem mais espaço de arrumação no interior, falamos de 27 Litros de armazenamento a mais face à geração anterior.

A plataforma CMF-B também permite ao novo Renault Captur receber uma motorização eléctrica, o que significa que o novo Renault Captur terá a motorização Hibrida Plug-In E-Tech a partir do próximo ano.

Esta motorização é a mesma presente no novo Renault Clio que tem um motor com recurso à electrificação que lhe permite circular até 45km no modo totalmente eléctrico, até aos 135km/h. O sistema associa um motor a gasolina com 1.6 litros a dois motores elétricos e uma bateria de 9,8 kWh.

À altura do lançamento e até chegar a motorização hibrida Plug-In, haverá 3 motores a gasolina e dois motores a diesel. Falamos de um motor 1.0 Litros tCe 100 de 3 cilindros com 100cv de potência e 160Nm de binário. O segundo motor a gasolina é o tCe 130 que tem 1.3 Litros Turbo, 130cv de potência e 240Nm de binário. O motor mais potente é o tCe 155 que tem 1.3 Litros Turbo com 155cv de potência e 270nm de binário. A última motorização só estará disponivel com uma caixa automática de dupla embraiagem com 7 velocidades, disponivel como opção na motorização tCe de 130cv.

Nos diesel há um motor 1.5 Blue dCi que tem dois níveis de potência um Blue dCi de 95cv e um Blue dCi de 115cv, que produzem 240Nm de 160Nm de binário, respectivamente. A motorização diesel de entrada de gama tem uma caixa manual de 6 velocidades, enquanto a versão diesel mais espigada tem a caixa automática de 7 velocidades disponivel como opção.

No que toca à tecnologia temos reconhecimento de sinais de trânsito com alerta de velocidade, travagem activa de emergência, cruise-control adaptativo e limitador de velocidade, faróis de LED com máximos automáticos, aviso de transposição involuntária de faixa, assistente de faixa, câmara de estacionamento de 360º, entre outros.

No interior, há um novo sistema de navegação e multimédia inspirado em smartphones Easy Link, disponível em três versões com ecrã de 7 polegadas, 7 polegadas com navegação e 9,3 polegadas com navegação. Todos são compatíveis com Android Auto e Apple CarPlay. O design do interior é semelhante ao do novo Renault Clio. No novo Renault Captur há um painel de instrumentos digital TFT com 7 ou 10 polegadas. Na traseira mantém-se os assentos deslizantes que permitem aumentar o espaço de carga ou espaço para as pernas.

O novo Captur é um modelo crucial no plano estratégico da Renault, Drive the Future (2017-2022), uma vez que tem um segmento em pleno crescimento. O novo modelo também será concebido pela primeira vez na China.

Artigo anterior

Circuito Citadino em Londres pode substituir o Grande Prémio de Silverstone na Fórmula 1?

Artigo seguinte

Honda E: A marca revela mais do seu automóvel eléctrico!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.