Artigos

Porsche Taycan: 600cv de potência e 480Km de autonomia!

A Porsche já nos apresentou o protótipo Mission E há quase 3 anos, as intenções de o produzir sempre foram mais do que claras. Agora, sabemos que a versão de produção chamar-se-á Taycan e também sabemos que começará a ser produzido já no próximo ano.

Com o desenvolvimento da conclusão do modelo de produção, a Porsche está finalmente a divulgar as informações acerca do seu primeiro automóvel totalmente eléctrico. Na segunda-feira, a marca alemã anunciou que o Taycan se vai estrear já em 2019, as entregas também devem começar no final do próximo ano. A versão mais espigada pode ultrapassar os 600cv de potência e sabemos que a autonomia em condução “normal” se encontra nos 480km.

A potência provém de um sistema semelhante ao do Porsche 919 Evo que tem atacado o circuito de Nurburgring. A Porsche revela que este tipo de motor é leve e compacto e que oferece alto desempenho e eficiência.

A barreira dos 100km/h será ultrapassada em menos de 3,5 segundos, já a aceleração dos 0 aos 200km/h acontece em apenas 12 segundos. A Porsche revela que o Taycan também pode ser levado para os circuitos, contudo, não podemos esperar a mesma autonomia de 480km.

Os sensores de temperatura detectam as “necessidades” da refrigeração em tempo real, enquanto o software garante que o liquido da refrigeração seja imediatamente direccionado para os pontos certos. Se o piloto for mais exigente, a resfrigeração entra em alta velocidade, assegurando energia constante. Este factor é de extrema importância para a bateria de lítio, cuja temperatura ideal é entre 20 e 40 graus centígrados.

No futuro a Porsche vai apresentar ao Taycan um sistema elétrico de 800 volts, que permitirá aos proprietários carregar 80& da bateria em 15 minutos em estações de carga adequadas. Este sistema prevê cabos eléctricos mais finos e por isso mais leves, o que torna o Taycan um automóvel ainda mais eficiente.

Ainda nada está confirmado, mas aguardam-se versões com potências de 400cv e 500cv, espera-se que tenham designações próprias como acontece nos modelos a combustão em que sabemos que as versões mais potentes são apelidadas de “S” ou “Turbo” por exemplo.

Espera-se que seja instalada uma transmissão automática de duas velocidades e que a tracção integral seja de série em todas as versões. Estima-se que a Porsche venha a oferecer como opção a tracção traseira ou um diferencial traseiro.

A Porsche está a planear produzir cerca de 20.000 Taycan por ano, embora haja capacidade para aumentar a produção consoante a procura. Sabemos que a marca alemã não vai ficar por aqui e que estão mais modelos eléctricos na calha. Um que é quase certo é um modelo com base no Taycan inspirado no Mission E Turismo revelado no salão de Genebra 2018. Outro modelo na calha é o Porsche Macan eléctrico da próxima geração.

Para a Porsche, o futuro é elétrico. Em 2025, o objectivo é que cada segundo veiculo vendido pela Porsche seja electrificado, com metade desses modelos electrificados puramente eléctricos e a outra metade híbridos plug-in.

Artigo anterior

Polestar 1 aparece em Pebble Beach!

Artigo seguinte

Protótipo GT X Experimental oferece nova imagem à Opel!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *