ArtigosEnsaios

Fomos a Frankfurt conhecer o novo Hyundai i20 e i20 Active!

Ontem fomos até Frankfurt, conhecer o novo Hyundai i20 e i20 Active. O utilitário coreano está agora mais atraente e reúne novos argumentos que o tornam melhor colocado relativamente ao preço e ao equipamento no segmento.

Começando pelo aspecto exterior, o Hyundai i20 tem algumas alterações notáveis e outras em que é necessário estarmos mais atentos para as perceber, contudo, ficou de um modo geral mais bonito e atraente. Apesar das alterações mantém-se as 3 carroçarias 5 portas, coupé e Active.

O restyling ao utilitário coreano, consistiu em termos de design numa alteração ao nível do pára-choques dianteiro, onde encontramos entradas de ar maiores, temos também uma nova grelha em cascata, que oferece ao i20 um aspecto mais desportivo e elaborado. Na traseira temos um novo pára-choques com uma aplicação plástica ao centro, a matricula deixou de estar no pára-choques traseiro e passou a estar na tampa da bagageira que também sofreu alterações. É de salientar as 10 cores disponíveis para a carroçaria e cerca de 17 combinações, puxadores das portas cromados, o tejadilho preto ou panorâmico como opção e os novos farolins LED que são talvez o elemento de design que mais distingue o novo Hyundai i20 do seu antecessor. Com o restyling chegaram também novas jantes de 15 e 16 polegadas.

Já o Hyundai i20 Active, também não escapou a algumas alterações ao nível do design, uma vez que conta agora com novos farolins LED, pára-choques traseiro redesenhado e tampa da bagageira também com algumas alterações. As jantes são de 17 polegadas e tem um estilo redesenhado.

No interior há novos acabamentos e novas cores, é possível ter pesponto do volante, costuras dos assentos, tablier e painéis das portas em cores azul, vermelho, cinzento azulado ou preto especial. O Hyundai i20 passa a ter disponível nas versões mais altas, volante aquecido e assentos aquecidos. A bagageira mantém-se nos 326 Litros sendo uma das maiores do segmento.

Em toda a gama i20, temos um sistema de infotainment em ecrã de 7 polegadas, o que distinguirá algumas versões é o facto das mais altas ou intermédias terem navegação e as versões mais baixas não. Contudo, podemos ainda escolher entre 4 novos sistemas relacionados com o som, temos Android Auto e Apple CarPlay, mesmo nas versões sem sistema de navegação. As versões sem sistema de navegação contam apenas com 1 entrada USB, enquanto as versões com sistema de navegação tem todo um conjunto de serviços conectados e duas entradas USB.

Há novidades também no campo da segurança, onde o Hyundai i20 beneficia com o novo Pack “Smart Sense” de aviso de transposição involuntária de faixa com correcção de volante, travagem activa de emergência, aviso de fadiga do condutor e ainda luzes de máximos automáticas.

No que toca ao comportamento a Hyundai realizou “upgrades” ao nivel da direcção que a tornaram 10% mais rigida, embora não seja muito, tivemos oportunidade de testar a nova direcção num circuito de slalom com prova de esquiva em piso extremamente escorregadio e conseguimos perceber que para além da direcção estar mais firme, também se encontra mais directa, oferecendo um melhor feedback da estrada.

No que toca às motorizações, vamos ter disponíveis apenas 2 e deixa de haver motores diesel, é verdade, o motor 1.1 CRDi deixa de fazer parte do Hyundai i20. Passamos a ter apenas o motor 1.0 Turbo GDI de 100cv com caixa manual de 5 velocidades ou o motor de 120cv com caixa manual de 6 velocidades disponíves nas versões 5 portas, Active e Coupe e temos o motor 1.2 Litros MPi com 2 níveis de potencia cujo motor de 75cv só está disponível na versão de 5 portas e o motor 1.2 MPi de 84cv está disponível nas versões de 5 e 3 portas apenas. Chamamos a atenção para o facto do motor 1.0 Turbo GDI de 120cv só estar disponível por encomenda.

A grande novidade também é a caixa automática de dupla embraiagem com 7 velocidades que está disponível apenas no motor 1.0 Turbo GDI de 100cv e 120cv.

Testámos o Hyundai i20 na Autobahn e podemos dizer que os consumos mesmo a uma velocidade mais elevada, não se alongam por ai além, testámos o motor 1.0 Turbo GDI de 120cv de potência que conseguiu médias de 6 Litros aos 100km/h. No percurso em que tivemos oportunidade de testar o Hyundai i20 com uma estrada menos regular, conseguimos perceber a capacidade de amortecimento do chassi que foi melhorada e oferece agora um melhor compromisso entre o bom comportamento dinâmico e o conforto a bordo.

O Hyundai i20 chega a Portugal em Julho e está disponível a partir dos 15.784,00€ para a versão Comfort com o motor 1.2 MPi de 75cv. A Hyundai terá ainda uma campanha promocional, com uma entrada de 4800€ que nos permite ter o Hyundai i20 na versão acima mencionada por apenas 195€ por mês com seguro incluído, pneus, manutenção e ainda 15 dias por ano de utilização de um Hyundai Tucson.

Quando chegámos a uma das áreas de teste da ADAC fomos “brindados” com a presença de dois Hyundai i20 R5 do WRC2 que tivemos o privilégio de ver andar no circuito de slalom com o piloto mais novo da marca Coreana atrás do volante, o seu nome é Jari Huttunen e tem apenas 24 anos de idade.

Ficámos a saber que a Hyundai tem um programa para jovens pilotos que consiste em provas de selecção e ensina os finalistas a falar com patrocinadores e público e claro ajuda-os a estar presentes em campeonatos completos das mais diversas disciplinas em que a Hyundai corre oficialmente.

Artigo anterior

Ferrari 250 GTO é vendido por 68 milhões de euros!

Artigo seguinte

PEUGEOT revela a nova 508 SW!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *