NoticiasComunicados de Imprensa

Novo S-MAX Hybrid Aponta Às Famílias Aventureiras E Intensifica Ofensiva Da Ford Na Eletrificação

O novo S-MAX Hybrid – o primeiro S-MAX eletrificado Sports Activity Vehicle –  disponibiliza sete lugares e o conforto de utilização de uma motorização full hybrid para estilos de vida mais ativos.

Comparativamente aos motores Diesel, as emissões de COdescem mais de 10%, mantendo-se a flexibilidade e o espaço do S-MAX, ao mesmo tempo que permite circular em modo puramente elétrico sem necessidade de carregamento.

A Ford apresenta, igualmente, o novo Galaxy Hybrid com motor full hybrid para um ainda maior refinamento, capaz de rivalizar com a eficiência de um motor Diesel e permitindo, também, circular em modo 100% elétrico.

O novo  Ford S-MAX Hybrid, o Sports Activity Vehicle que oferece sete lugares e o refinamento, a eficiência e o conforto de utilização de uma motorização full hybrid, está agora disponível para encomenda em toda a Europa, anunciou, a Ford.

Recorrendo a engenharia inovadora, foi possível incorporar um eficiente propulsor híbrido, a gasolina e elétrico, na carroçaria aerodinâmica e versátil do S-MAX sem com isso comprometer o espaço, a flexibilidade ou a experiência de condução dinâmica, ao mesmo tempo que se reduziram as emissões de COem mais de 10% (WLTP) quando comparadas com as de um motor Diesel EcoBlue equivalente1.

A combinação do motor a gasolina, de 2.5 litros, com funcionamento segundo o ciclo Atkinson, com um motor elétrico e a respetiva bateria de iões de lítio de 1,1 kWh de capacidade, bem como com a transmissão do tipo powersplit (de variação contínua) de última geração, permite uma condução e experiência de utilização fácil e que ao mesmo tempo ajuda as famílias a reduzir as emissões de COdurante as suas viagens de lazer. A propulsão elétrica é acionada autonomamente para beneficiar a eficiência de consumo de combustível ou para proporcionar uma condução silenciosa durante breves períodos de tempo, dependendo das condições.

A reposição do nível de carga da bateria é feita automaticamente pelo motor a gasolina ou através do sistema de travagem regenerativa durante as fases de desaceleração ou travagem. Sem necessidade de carregamento através de uma fonte externa de energia, o S-MAX Hybrid foi projetado para se integrar perfeitamente na vida familiar, sempre apto a oferecer uma condução eletrificada independentemente da imprevisibilidade do quotidiano.

O novo S-MAX Hybrid continua a combinar um design exterior desportivo com a praticidade e flexibilidade de um veículo familiar. Com uma disposição de lugares facilmente configurável e com uma zona de carga muito versátil, o S-MAX oferece até um máximo de 2.200 litros de capacidade atrás da primeira fila de bancos2.  A capacidade de reboque varia entre os 1.560 e os 1.750 kg, consoante a versão, facilitando assim a utilização em atividades de lazer3.

“O S-MAX é o Sports Activity Vehicle original e agora é ainda mais apelativo para uma nova geração de clientes apaixonados pela condução em modo puramente elétrico”, disse Roelant de Waard, Diretor-Geral, Veículos de Passageiros da Ford Europa. “Desde a experiência de condução desportiva, típica de um automóvel mais pequeno, até aos bancos que rebatem ao toque de um botão, estas são características que encaixam perfeitamente na vida familiar e que sempre tiveram um papel de destaque nos argumentos do S-MAX. A inclusão da nova, eficiente e refinada motorização full hybrid na gama é, assim, uma adição natural à lista.”

Em simultâneo, a Ford passa também a disponibilizar, pela primeira vez, uma versão full hybrid do Galaxy, um veículo familiar de sete lugares. O novo Galaxy Hybrid recorre à mesma sofisticada tecnologia híbrida do S-MAX Hybrid para rivalizar com a eficiência de consumos de combustível de um motor Diesel, ao mesmo tempo que oferece uma otimizada e refinada experiência de condução.

Potência elétrica sem cabos de carregamento

O novo S-MAX Hybrid consegue continuar a oferecer o mesmo espaço e flexibilidade dos demais S-MAX, quer na versão de cinco, quer na de sete lugares, ao integrar a sua bateria de iões de lítio, com 60 células, numa estrutura estanque e com elevada capacidade de absorção de energia em caso de acidente, colocada debaixo do compartimento de carga.

A bateria de 1,1 kWh é refrigerada por um líquido que permite que as células estejam colocadas muito próximas umas das outras, permitindo um melhor aproveitamento do espaço. Também o sistema de escape, com dupla saída, foi especialmente desenhado para contornar a bateria e assim permitir a sua colocação em posição mais baixa. Esta configuração permite ao S-MAX transportar objetos com quase 1 metro de altura e mais de 1 metro de largura. Mesmo na configuração de sete lugares, estão disponíveis 285 litros de capacidade de bagagem2.

A potência elétrica é responsável pela experiência de condução mais refinada de sempre no modelo S-MAX. A travagem regenerativa recupera até um máximo de 90% da energia que é habitualmente dissipada e, consequentemente, perdida durante as travagens e utiliza-a para recarregar a bateria. A potência é enviada para o motor elétrico, unidade capaz de fazer mover sozinha as rodas dianteiras e permitir que o S-MAX Hybrid arranque silenciosamente. O motor consegue ainda proporcionar uma condução puramente elétrica durante breves períodos de tempo para uma experiência ainda mais refinada e livre de emissões, particularmente em ambientes urbanos. O líquido de refrigeração da bateria elimina a necessidade de uma ventoinha, reduzindo o nível de ruído no habitáculo.

Para além disso, o motor elétrico trabalha em conjunto com o motor a gasolina, permitindo um consumo de combustível de 6,4 l/100 km e emissões de CO2  de 146 a 147 g/km WLTP4. O bloco Hybrid do S-MAX apresenta-se assim como uma apelativa alternativa aos motores Diesel da família EcoBlue da Ford.

O motor de 190 cavalos permite uma aceleração de 0 aos 100 km/h em 9,8 segundos. A aceleração suave e linear complementa o caráter desportivo inerente ao S-MAX e é assistido por um redesenhado controlador do motor-gerador que, discreta e eficazmente, alterna entre os modos puramente elétrico, híbrido ou a gasolina.

A transmissão powersplit (de transmissão contínua) da nova motorização full hybrid, desenvolvida na totalidade pela Ford, consegue também simular a transição entre relações de caixa a fim de melhorar a experiência de condução. O sistema ajusta automaticamente a velocidade de rotação do motor à medida que a velocidade do veículo varia, proporcionando uma maior ligação à condução.

A transmissão é acionada através de um ergonómico comando rotativo que inclui um modo de funcionamento adicional, que maximiza a capacidade de travagem com o motor, ideal para rebocar ou em vias de grande inclinação, contribuindo para uma condução mais confortável e para uma máxima capacidade de regeneração de energia. O novo e evoluído propulsor permite uma capacidade de reboque máxima de 1.750 kg na versão de cinco lugares do S-MAX Hybrid e de 1.560 kg na versão com lotação para sete passageiros3.

Tecnologia que simplifica a condução

Através da informação inteligente contida no painel de instrumentos digital de 10 polegadas, de leitura muito intuitiva, os condutores podem melhorar a eficiência energética da sua condução. Através da função Brake Coach, o condutor é incentivado a travar atempada e progressivamente para assim aumentar a energia recuperada e reencaminhada para a bateria. Graças à função EV Coach, o condutor consegue também perceber quando está a recorrer à propulsão híbrida ou elétrica.

Todos os ocupantes do novo S-MAX Hybrid podem usufruir de total conectividade em movimento graças ao modem FordPass Connect que oferece ligação Wi-Fi até um máximo de dez dispositivos5, permitindo ainda ao condutor planear viagens mais rápidas e confortáveis através das informações de trânsito em tempo real do sistema de navegação6.

O FordPass Connect permite ainda aceder remotamente a outras funções, como trancar e destrancar as portas, localizar o automóvel através da app FordPass7 e aceder a informação Local Hazard, tecnologia que permite informar o condutor sobre situações potencialmente perigosas que podem surgir no seu caminho, inclusivamente aquelas que podem estar, no momento, fora do campo de visão do condutor devido, por exemplo, a uma curva ou a outros veículos8.

De forma a proporcionar um maior nível de conforto nas viagens longas, condutor e passageiro dianteiro contam com bancos ajustáveis em 18 posições na versão Titanium, certificados com selo de aprovação da organização Aktion Gesunder Rücken e.V., especializada em ergonomia e postura. O S-MAX Vignale Hybrid conta também com bancos ajustáveis em 10 posições e com função de aquecimento e ventilação, bem como de massagem, quer para o condutor, quer para o passageiro da frente.

Os três bancos da segunda fila contam com pontos de fixação Isofix para uma instalação eficaz de cadeiras de segurança para crianças. Estes são também rebatíveis, individualmente, através da função Easy Fold Seats acionada através de um painel de controlo colocado na bagageira. Esta função está igualmente disponível para os bancos da terceira fila, permitindo de uma forma simples maximizar o espaço de carga disponível. O portão traseiro dispõe de abertura mãos-livres para facilitar o acesso à bagageira quando o utilizador estiver com as mãos ocupadas.

O Galaxy Hybrid proporciona viagens de primeira classe

O novo Ford Galaxy Hybrid também já está disponível para encomenda com a motorização full hybrid, conjugando um motor a gasolina e outro elétrico, de 190 cavalos, do S-MAX Hybrid.

Capaz de oferecer a bordo uma experiência de primeira classe para sete ocupantes, o Galaxy Hybrid está disponível em Portugal na versão Titanium. O seu consumo de combustível é de 6,4-6,5 l/100 km e as emissões de COsão de 148-149 g/km (WLTP). A aceleração dos 0 aos 100 km/h é feita em 10 segundos4.

Tal como o S-MAX Hybrid, o espaçoso Galaxy Hybrid continua a oferecer todo o sentido prático da restante gama Galaxy, incluindo mais de 1 metro de espaço livre para a cabeça na primeira e segunda filas, 2.339 litros de volume de carga imediatamente atrás da primeira fila e 300 litros de capacidade com a configuração de sete passageiros2.

 

“Os nossos novos S-MAX Hybrid e Galaxy Hybrid são apenas dois dos 17 veículos eletrificados que a Ford vai apresentar aos clientes europeus até ao final do ano”, referiu Roelant de Waard. “Estamos a disponibilizar uma oferta alargada de motorizações eletrificadas, da tecnologia mild hybrid até versões totalmente elétricas, o que significa que cada cliente poderá escolher o modelo que melhor se adequa ao seu estilo de vida.”

Os novos S-MAX Hybrid e Galaxy Hybrid, bem como a sua bateria de iões de lítio, são fabricados na unidade de produção da Ford em Valência, Espanha.

1 S-MAX Hybrid com potência combinada de 190 cv e emissões de CO2 de 146-147 g/km WLTP, em ciclo combinado, em comparação com S-MAX 2.0 EcoBlue Diesel 190 cv FWD com caixa automática e emissões de COde 165-168 g/km WLTP em ciclo combinado.

2 Capacidade de carga limitada pelo peso e pela sua distribuição.

3 Capacidade máxima de reboque varia consoante a carga, configuração do veículo, acessórios e número de passageiros. Limites de reboque declarados representam a capacidade máxima de reboque do veículo no seu Peso Bruto Total para arrancar numa inclinação de 12% acima do nível do mar. Em todas as versões, a utilização de reboque afeta o desempenho e o consumo de combustível.

4 S-MAX Hybrid com emissões de CO2 de 146-147 g/km e consumo de combustível de 6.4 l/100 km WLTP (128-129 g/km, 5.6 l/100 km NEDC); Galaxy Hybrid com emissões de CO2 de 148-149 g/km e consumo de combustível de 6.4-6.5 l/100 km WLTP (134-135 g/km, 5.8-5.9 l/100 km NEDC).

Os consumos de combustível/energia, as emissões de CO2 e a autonomia elétrica declarados são medidas de acordo com os requisitos técnicos e especificações da Regulamentação Europeia (CE) 715/2007 e (UE) 2017/1151, nas suas mais recentes redações. O procedimento do teste padrão aplicado permite a comparação entre diferentes tipos de veículos e fabricantes.

5 Requer ativação da função.

6 Função Live Traffic requer subscrição após período inicial de teste.

7 Aplicação FordPass é compatível com smartphones Apple e Android e está disponível para download na Apple App Store e na Google Play Store em 40 mercados europeus.

8 As funções de assistência ao condutor são complementares e não substituem a atenção, a capacidade de julgamento e a necessidade de controlo do veículo por parte do condutor.

Comunicado de Imprensa Ford Portugal

Artigo anterior

Citroën AMI - 100% ëlectric: As vantagens da simetria

Artigo seguinte

Renault 5 Prototype, o mítico “piscar de olhos” das óticas

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.