EnsaiosNoticias

KIA Niro Hybrid: Amigo da família e do ambiente!

São muitas as famílias que passam para “segundo plano” alguns automóveis capaz de preencher na perfeição as suas necessidades. Muitas das vezes, essas famílias “colocam de parte” excelente automóveis, apenas pelo aspecto exterior menos apelativo. O KIA Niro Hybrid é um automóvel inteligente e capaz de satisfazer qualquer família, tenha esta crianças, adolescentes ou jovens adultos, uma vez que a habitabilidade é a palavra de ordem, assim como a economia.

Nos tempos que correm não há automóveis maus, todos são seguros, tecnologicamente avançados e bem construídos. Sabemos à partida que há marcas que investem mais em determinadas áreas do que outras. No caso da KIA, um comprador sabe que terá um automóvel com um preço simpático, muito equipamento, uma garantia formidável e uma qualidade sempre ao nível do segmento.

O automóvel é a segunda compra mais importante a seguir à habitação, por isso, é normal deixarmo-nos levar por aquele que é mais bonito e que nos leva a olhar para trás cada vez que o deixamos estacionado. Contudo, o design apelativo pode muito bem ser o pior inimigo na compra de um automóvel.

Todos gostamos de nos deslocar num automóvel belo, imponente e que comunica com o nosso lado mais emocional. Contudo, há que não esquecer quais são as necessidades e tentar encontrar um automóvel que alie a emoção e a razão. Se um automóvel for belo e não tiver espaço para as duas crianças, ou se tiver uma péssima acessibilidade para transportar os pais ou avós de idade avançada, de que nos serve ser bonito se por vezes se torna um verdadeiro pesadelo? Ninguém quer isso!

Por estes factores, as marcas de automóveis concentram-se em preencher as expectativas do seu público alvo. Sabemos que não compramos um SMART ForTwo para transportar 4 pessoas e que não compramos um Daewoo Matiz para o conduzir de forma extremamente desportiva, ou à espera que nos proporcione uma condução fabulosa, capaz de oferecer um sorriso de orelha a orelha. Por isso, as marcas tentam conceber os automóveis de acordo com o que o cliente de um determinado segmento procura.

O KIA Niro é um automóvel inteligente e capaz de agradar a famílias que privilegiem um veículo recheado de equipamento, seguro, espaçoso, versátil e com um preço final simpático. Para além das mais-valias racionais, o KIA Niro está mais atractivo, uma vez que sofreu um restyling que consistiu em pequenas “evoluções” de charme, que se notam principalmente ao nível do interior.

No exterior, entre o SUV e o automóvel de “calças arregaçadas”, há elementos que proporcionam um aspecto aventureiro como as protecções de carroçaria, frisos laterais e barras de tejadilho. Outros destaques deste restyling são as luzes de iluminação diurna colocadas nos extremos do pára-choques dianteiro sob uma moldura preta brilhante, a grelha em cascata, as ópticas actualizadas com piscas dinâmicos, friso lateral de protecção e farolins traseiros LED actualizados.

Ainda no exterior desta versão Drive temos antena Shark, jantes de 18 polegadas, retrovisores com recolha eléctrica, vidros traseiros escurecidos e chave mãos-livres.

Quando queremos entrar no KIA Niro encontramos uma abertura de portas que satisfaz e um formato de carroçaria que deixa um espaço simpático de entrada, facilitando o acesso ao interior. Sentar pessoas de mais idade ou crianças numa cadeirinha nos lugares traseiros, torna-se mais simples.

Uma vez no interior, habitabilidade é a palavra de ordem, uma vez que circulamos com grande “à vontade” nos lugares dianteiros e traseiros. Na fila de assentos traseiros, as pessoas de maior estatura sentir-se-ão “em casa”, uma vez que não lhes faltará espaço para as pernas ou para a cabeça. Muitas vezes, o espaço no interior deve-se à falta de apoio para as pernas, ou seja, as marcas adquirem habitabilidade, por reduzirem o apoio dos assentos nas pernas, uma situação que não se verifica no KIA Niro, uma vez que apoio lateral dos assentos e o apoio para as pernas é satisfatório.

Se há espaço para as pessoas, pode não haver muito espaço para guardar objectos, uma vez que as bolsas das portas são “estreitas” e que o porta-luvas é pouco generoso. Para compensar, o apoio de braço central tem espaço q.b para armazenamento e os porta-copos também têm boas dimensões. A bagageira tem 421/344 Litros de capacidade.

Se os “olhos comem” no exterior, é importante que nos sintamos bem no interior. O KIA Niro conta agora com um design interior melhorado e arrumado, de onde se destacam o painel de instrumentos totalmente digital e o ecrã de dimensões generosas do sistema de navegação e multimédia. Outros destaques incluem o friso decorativo no tablier, que ajuda a proporcionar um estilo mais desportivo e dinâmico, assim como a aplicação preta brilhante com decorações que se apodera de toda a face dianteira do tablier. O interior do KIA Niro deixou-se aprumar ainda com pespontos contrastantes nos assentos, volante, apoios de braço das portas, fole do punho da caixa de velocidades e apoio de braço central.

No que toca à qualidade dos materiais temos um tablier emborrachado com o acabamento preto brilhante e materiais rígidos do tablier para baixo. Nas portas temos apoios de braço em tep com pesponto e material emborrachado nas portas dianteiras até meio da cintura. Os passageiros dos lugares traseiros encontram portas com materiais rígidos e apoios de braço das portas em tep. A qualidade de construção está ao nível do segmento, deixamos a critica ao plástico preto brilhante do túnel central, que se risca só de olharmos para ele.

Falando de um KIA, seria de esperar que houvesse equipamento para dar e vender nesta versão intermédia “Drive” e há mesmo! Ar-condicionado automático de dupla zona, assento do condutor com regulação lombar eléctrica, câmara de auxilio ao estacionamento traseiro, sensores dianteiros, reconhecimento por voz, duas entradas USB (ausência de entradas USB nos lugares traseiros), patilhas da caixa de velocidades no volante, sensores de chuva e luminosidade, botão start de ignição, sistema de navegação e multimédia em ecrã de 10,25 polegadas, painel de instrumentos digital, Apoio de braço traseiro com suporte para copos, Espelho retrovisor electrocrómatico, travão de estacionamento eléctrico, sistema de ajuda ao arranque em subida, entre outros.

O sistema de navegação e multimédia da KIA funciona na perfeição, tem uma imagem cuidada, é intuitivo, tem aplicações, trânsito e meteorologia em tempo real e está preparado para Android Auto e Apple CarPlay. O ecrã de 10,25 polegadas agrada à vista, mas também é útil quando pretendemos utilizar aplicações relacionadas com o sistema híbrido, onde os gráficos com o consumo de energia e utilização do sistema surgem com uma visualização agradável, de fácil leitura e com dimensões generosas. Estas aplicações ajudam-nos a conduzir um automóvel híbrido, fazendo com que tenhamos uma maior sensibilidade ao consumo de energia, regeneração, inércia, entre outros.

O painel de instrumentos está dividido em 3 áreas. Ao centro temos um ecrã de 7 polegadas, onde conseguimos consultar os gráficos do sistema híbrido, histórico de consumos, dados de manutenção do automóvel, dados de consumos e viagem, multimédia, indicações de navegação, entre outros. À esquerda temos um ecrã com os modos de condução e utilização da bateria do sistema híbrido, enquanto o monitor da direita de encarrega de nos mostrar o nível de combustível e a velocidade. Consoante o modo de condução, normal ou sport, o tema do painel de instrumentos torna-se mais harmonioso ou desportivo.

No lugar do condutor, a posição de condução é semelhante à de um automóvel (não SUV), o volante e a coluna de direcção prometem agradar a Gregos e Troianos. A visibilidade está ao nível do segmento com um “pilar A” a ser prejudicado pelos elementos associados aos retrovisores. Já a visibilidade para a trás é prejudicada pela traseira alta e a abertura no pilar “C” não chega para tornar a visibilidade traseira surpreendente.

A condução do KIA Niro Hybrid é envolvente. Embora não seja um automóvel de corridas, o comportamento é previsível, há pouco adornar de carroçaria e o facto de ser um automóvel com uma largura generosa, faz com que a estabilidade seja uma constante. A direcção é directa q.b e a caixa automática DCT de 7 velocidades torna a condução deste híbrido menos “monótona” do que a condução de um híbrido com caixa automática CVT.

Debaixo do capô, o KIA Niro associa um motor a gasolina GDI com 1.6 Litros, de 4 cilindros e atmosférico com 105cv às 5700rpm e 147Nm de binário às 4000rpm a um motor eléctrico de 44cv e 170Nm de binário. Este sistema híbrido está associado a uma bateria de iões de lítio com 1,56kWh. A potência combinada é de 141cv de às 6000rpm e 265Nm de binário às 2330rpm. Este motor é despachado q.b, enquanto temos um nível de carga considerável na bateria. Quando adoptamos um estilo de condução mais desportivo, a carga da bateria gasta-se rápidamente, fazendo com que haja uma perda considerável de performance.

O KIA Niro não se trata de um automóvel de corridas, por isso, quem o compra privilegia o espaço, o conforto e a economia de combustível, algo que o SUV Coreano consegue satisfazer na perfeição, com consumos mistos abaixo dos 5,5 Litros e habitabilidade para dar e vender.

Os modos de condução alteram-se no comando da caixa de velocidades e interferem com a resposta do acelerador e com as patilhas da caixa de velocidades, que servem para aumentar ou reduzir o nível de regeneração no modo normal e passam a servir para trocar de caixa no modo Sport. Como os próprios nomes indicam, no modo Sport temos uma resposta de acelerador mais rápida, enquanto no modo normal a resposta do acelerador fica “afinada” em prol do consumo de combustível. Os níveis de regeneração permitem-nos gerir melhor a rapidez da mesma, uma vez que quando aumentamos a regeneração aumentamos o abrandamento do KIA Niro e quando reduzimos deixamo-lo “mais solto”. O KIA Niro oferece 3 níveis de regeneração.

Na segurança, o KIA Niro Hybrid obteve 4 estrelas nos testes Euro NCap na versão de entrada de gama e 5 estrelas na versão que alberga todos os sistemas de ajuda à condução disponíveis. Nas versões mais equipadas temos 91% na segurança dos adultos, 80% na segurança das crianças, 70% nas segurança dos peões e 81% nas ajudas à condução. Na versão ensaiada Drive tínhamos sistema de alerta de colisão frontal, sistema de assistência à travagem, sistema de ajuda na manutenção de faixa e monitorização da pressão dos pneus.

No que toca a valores, o KIA Niro Hybrid está disponível desde 25.320,00€ para a versão Urban e a versão ensaiada tem o preço de 27.870,00€ com pintura metalizada. Paga de IUC: 136,72€. Relembramos que a KIA continua a dar 7 anos de garantia.

Fotos: João Santos

Artigo anterior

Eurorepar Car Service foi eleito “Melhor Rede Oficinal”

Artigo seguinte

Citroën C5 Aircross Hybrid disponível para encomenda

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.