NoticiasTestes

Ford Fiesta Active 1.5 TDCi: Despachado e radical!

A CarZoom esteve novamente ao volante do Ford Fiesta Active, desta vez com o motor 1.5 TDCi que tem performance e economia para dar e vender. Dá gosto ter um Fiesta de calças arregaçadas que não perde o melhor comportamento dinâmico da classe!

Face ao Ford Fiesta normal, o Ford Fiesta Active tem uma linguagem mais “SUV” que se expressa através de uma maior altura ao solo, protecções de carroçaria na dianteira, traseira e laterais. Os badges “Active” ajudam-nos a distinguir melhor este Ford Fiesta de calças arregaçadas.

Ainda no aspecto exterior temos uma grelha aberta, capô inclinado, tejadilho preto, pára-brisas inclinado, linha de cintura alta que sobe até à traseira, ópticas e farolins rasgados, traseira subida e óculo traseiro de pequenas dimensões.

No equipamento surgem os vidros traseiros escurecidos, ópticas e farolins LED, spoiler traseiro, jantes de 17 polegadas envolvidas em pneus 205/45, chave mãos-livres, barras de tejadilho longitudinais, ponteira de escape desportiva, entre outros.

No interior temos uma qualidade de montagem e materiais irrepreensível, não há ruídos parasitas e contamos com uma série de equipamentos mais comuns em segmentos superiores. Há puxadores das portas em alumínio, imitações de carbono, couro e pesponto no volante, punho da caixa de velocidades e assentos, assim como material emborrachado no tablier. O espaço a bordo é bom nos lugares dianteiros, já nos lugares traseiros o espaço pode deixar a desejar. A bagageira está ao nível da concorrência com 303 Litros de capacidade, que se estendem aos 984 Litros.

O prazer de condução sai privilegiado com volante ergonómico com excelente pega, um bom punho da caixa de velocidades, uma excelente posição de condução e assentos confortáveis com apoio lombar q.b.

Na lista de equipamento interior temos ar-condicionado automático, sistema de navegação e multimédia Ford Sync 3 em ecrã de 8 polegadas com reconhecimento de voz (opcional), sistema de som B&O (opcional), comandos do rádio e painel de instrumentos no volante, câmara de ajuda ao estacionamento traseiro (opcional), computador de bordo em ecrã TFT, modos de condução normal, chuva e eco, espelho retrovisor interior com escurecimento automático, botão de ignição, uma porta USB para os lugares traseiros, entre outros.

O sistema Ford Sync 3 é um dos melhores do segmento, tem uma excelente imagem, é de fácil utilização e tem uma série de funções e aplicações. O AndroidAuto e o Apple CarPlay permitem-nos estar sempre “conectados” ao nosso telefone e no site da Ford temos à nossa disposição um catálogo, onde os utilizadores podem pesquisar as aplicações disponíveis para a sua versão SYNC. O catálogo do AppLink inclui também ligações para o iTunes ou Google Play Store.

O painel de instrumentos é digno de um automóvel de segmento superior, tem igualmente uma boa imagem, o computador de bordo aparece num ecrã TFT e revela toda a informação necessária para a circulação desde informações de viagem, consumos, bússola, reconhecimento de sinais de transito, alertas das ajudas à condução, temperatura exterior, navegação, multimédia, estado do veiculo, entre outros.

O Ford Fiesta é para a CarZoom o utilitário com melhor comportamento dinâmico, e se pensávamos que perdíamos parte desse comportamento por uma maior altura ao solo e um aspecto mais SUV, ficámos redondamente enganados. O Ford Fiesta Active mantém o chassi extraordinário do Ford Fiesta convencional, a direcção precisa e a configuração agradável e equilibrada das suspensões. Se a Ford tem uma longa experiência nos Ralis, é também fácil sentirmo-nos verdadeiros pilotos de ralis ao volante do Ford Fiesta, uma vez que podemos “fazer-nos” às curvas de forma mais confiante sem que a carroçaria do Fiesta adorne em excesso, a frente aponta exactamente para onde queremos, fazendo com que a traseira rode ligeiramente dentro da trajectória de forma bastante precisa e previsível.

Temos 3 modos de condução: Normal, Eco e o Escorregadio. Estes modos alteram ligeiramente a resposta do acelerador, ar-condicionado e ajudas electrónicas. No modo “Normal” temos o ar-condicionado, a resposta do acelerador e as ajudas electrónicas ajustadas num modo “standard” que é ideal para todo o tipo de situações e para todo o tipo de percurso e estilo de condução, sem limitar as capacidades do Fiesta Active tanto ao nível do conforto, como ao nível do comportamento e condução. Já o modo “Eco” reduz a resposta do acelerador para que consigamos aumentar a eficiência do combustível, reduzindo também a “performance” da climatização. O modo “Escorregadio” como o próprio nome indica torna as ajudas electrónicas mais interventivas de forma a que consigamos viajar com maior segurança em condições mais difíceis.

O motor 1.5 TDCi diesel tem 120cv de potência e 270Nm de binário entre as 1750 e as 2500rpm. Este motor oferece andamentos vivos ao Ford Fiesta Active que são facilmente capazes de envergonhar alguns automóveis diesel de segmento superior. Como a Ford já nos habituou nos motores diesel, este também e algo anémico nas rotações mais baixas, acabando por “despertar” quando passamos das 1750rpm como seria de esperar. Ao longo dos mais de 500km que a CarZoom percorreu ao volante do Ford Fiesta Active 1.5 TDCi, os consumos oscilaram entre os 6 Litros com o pé direito em posição mais horizontal e os 4,5 Litros com o pé mais “comedido”. É muito fácil com este motor realizar consumos abaixo dos 5 Litros a cada 100km em percursos mistos. A caixa manual de 6 velocidades é bem escalonada e prazerosa q.b.

No que toca às prestações temos uma aceleração dos 0 aos 100km/h em 9,4 segundos, antes de atingirmos a velocidade máxima de 190km/h.

No campo da segurança o Ford Fiesta Active tinha sensores de chuva e luminosidade, câmara de ajuda ao estacionamento traseiro, reconhecimento de sinais de trânsito e aviso de saída de estrada com correcção de volante. Nos testes Euro NCAP o Ford Fiesta obteve as 5 estrelas com 87% na protecção dos adultos, 84% na protecção das crianças, 64% na protecção dos peões e 60% nas ajudas à condução.

Infelizmente este motor 1.5 TDCi de 120cv foi descontinuado no Ford Fiesta Active, pelo que actualmente está disponível apenas o motor 1.5 TDCi de 85cv. Se quisermos optar pelo motor 1.5 TDCi de 120cv teremos de escolher a versão mais luxuosa “Vignale”.

O Ford Fiesta Active+ de 85cv a diesel está disponível por 25.206,00€ (PVP). Já a versão Vignale com o motor ensaiado 1.5 TDCi de 120cv está disponível por 26.615,00€ (PVP). As campanhas disponíveis são um desconto de 2.400,00€, 800€ em opcionais e ainda 1200€ de apoio à retoma. O Ford Fiesta 1.5 TDCi paga de IUC: 146,79€. (WLTP)

Artigo anterior

BIREL EASYKART: Fomos conhecer o troféu monomarca promovido pelo Kartódromo do Bombarral!

Artigo seguinte

Museu Do Caramulo com campanha a apelar à consignação do IVA e IRS.

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.