NoticiasEventos

Fomos acompanhar o Gil Antunes e o Diogo Correia no Rali do Vidreiro!

A CarZoom foi acompanhar o piloto Gil Antunes e a sua equipa no Rali do Vidreiro, que foi o Rali em que o piloto de Sintra se sagrou campeão nacional nas duas rodas motrizes e campeão na categoria RC3.

O ambiente dos Ralis é muito rico em amizades, sorrisos, diversão e muita euforia. Na sexta-feira à noite, tivemos a oportunidade de assistir à super especial na Marinha Grande, onde os automóveis se deslocam ao meio da cidade, para se mostrarem ao público e criarem o mais belo concerto, com base em notas de escape.

Ao chegar à Marinha Grande, começámos por nos cruzar com uma série de carros de Ralis, que estavam logo ali ao nosso lado e a dividir a via pública com os restantes utilizadores, cumprindo todos os limites de velocidade e respectivas regras de trânsito.

Pode não parecer, mas também este facto enriquece a experiência de assistir a um Rali, o facto de termos os automóveis de competição, a serem conduzidos pelos melhores pilotos nacionais logo ali ao lado. É possível tirar fotos, falar com os pilotos, ver os automóveis de perto e sentir o fantástico ambiente do Campeonato Nacional.

Na área de assistência do piloto, tivemos a oportunidade de ver a equipa a intervir no seu Renault Clio R3T. Percebemos que mesmo estando sujos e cheios de pó, estes automóveis são tratados como ouro, uma vez que os mecânicos e engenheiros experientes intervém meticulosamente, de forma a gastarem o menor tempo possível nas reparações ou substituições de componentes.

Apesar de cansados, o Gil Antunes e o Diogo Correia tiveram disponibilidade para falar com os seus convidados acerca das suas experiências e do primeiro dia no Rali do Vidreiro, o Rali onde se iriam sagrar campeões.

O segundo dia do Rali começou cedo e as serras enchiam-se de pessoas. Este público cultivava bom ambiente, gritava pelos pilotos e contemplava os automóveis, que por sua vez enriqueciam as belas paisagens. As distâncias entre especiais eram relativamente curtas, o que permitia ao público deslocar-se, para ver passar novamente mais automóveis pelos troços de alcatrão da Marinha Grande. No final da manhã do segundo dia, a dupla liderava o Rali nas duas rodas motrizes, apesar de um toque num pinheiro que os fez perderem algum tempo.

Chegámos ao final do último dia do Rali do Vidreiro, com José Pedro Fontes a ganhar o Rali à geral, seguido por Ricardo Teodósio que correu com um automóvel alugado e uma costela partida devido a um acidente em testes e em 3º lugar o piloto Bruno Magalhães.

Já nas duas rodas motrizes foi a dupla Sintrense que ocupou o lugar mais alto do pódio, conquistando os pontos necessários para serem campeões na categoria RC3 e para o piloto Gil Antunes se sagrar campeão nacional nas duas rodas motrizes.

Após o Rali a festa estava garantida, tivemos a oportunidade de observar o respeito entre pilotos rivais e a cordialidade que abunda nos Ralis entre pilotos e equipas, onde todos se juntam para festejar mais um fim-de-semana memorável.

Neste ano, o piloto Gil Antunes decidiu apostar na sua comunicação e redes sociais, onde mantém uma relação próxima com os fãs e amigos, promovendo ainda passatempos, que aproximam os seus seguidores da sua área de assistência. Para além do foco na condução e na comunicação, esta dupla “investe” na solidariedade, uma vez que através de uma parceria com a casa do Gil, a dupla faz chegar fruta a crianças desfavorecidas.

Para o próximo ano a dupla vai continuar a trabalhar nas causas sociais, comunicação e está agora a trabalhar noutro projecto que envolve a subida de categoria.

Fotos: João Santos
Seguir o piloto aqui!

Artigo anterior

Mick Schumacher testa Ferrari F8 Tributo em Fiorano!

Artigo seguinte

Rua de Turim recebe nome Carlo Abarth no 70° aniversário da Abarth!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.