NoticiasComunicados de Imprensa

Prolama na Baja Capital dos Vinhos de Portugal – Reguengos

Georgino Pedroso na luta.

Francisco Barreto quer vencer T8.

Júlio Mourão regressa.

Uma semana depois, o campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno, regressa para disputar a Baja TT Capital dos Vinhos de Portugal em Reguengos de Monsaraz. Uma organização da SAR Motorismo com um largo historial e uma das mais icónicas corridas TT do panorama nacional. Embora rodeada de todas as normas de segurança impostas pela DGS, a corrida de Reguengos reuniu um lote de inscritos ao melhor nível, e a Equipa Prolama volta a ter na sua formação três carros para lutar pelas respectivas categorias.

Depois de terminar na 2ª posição na Baja do Pinhal, Georgino Pedroso / Carlos Silva vão ter de acreditar na Isuzu D-Max para levar de vencida a concorrência e somar pontos fundamentais para as contas do campeonato de Portugal da categoria T2. O piloto está muito motivado com o trabalho realizado na D-Max que dá garantias de poder andar forte, como o próprio referiu, “…a Baja Capital dos Vinhos de Portugal é uma das nossas provas favoritas e correr em casa de um dos nossos Patrocinadores é sempre uma motivação extra. O traçado é muito diferente da última prova e acreditamos que a D-Max vai estar no seu melhor nível.” rematou Georgino Pedroso.

Francisco Barreto, com Sérgio Cerveira, regressam depois da escolha de estar ausente na Baja do Pinhal, cumprindo assim a prova escolhida para não somar pontuação, e espera lutar pela vitória na categoria T8, resultado que conquistou nas duas primeiras provas do ano. Segundo as palavras do piloto do Team Barata Hotels o objectivo é claro; “… quero vencer esta prova, que tem um traçado muito interessante e com o qual me identifico. Acredito que o trabalho desenvolvido pela Equipa nos vai trazer confiança para alcançarmos os nossos objectivos …” concluiu o piloto da Nissan Pick-up que apresenta nesta prova um novo Patrocinador: a cidade de Albufeira, capital nacional do turismo.

Também Júlio Mourão acompanhado de Jorge Amaral, regressam aos comandos do Megáne Proto V6, dispostos a vingar a desistência de Beja; “…depois de ter abandonado em Beja muito cedo, pretendo aprender o máximo nesta prova. O carro está muito bom, e eu e o Jorge queremos cumprir o programa traçado: fazer o maior número de quilómetros possível ficando atentos ao evoluir da classificação da categoria T8…” concluiu Julio Mourão.
A Baja Capital dos Vinhos de Portugal, vai disputar-se Sábado e domingo, dias 26 e 27/9 num total de quatro sectores selectivos de 80 Km e 60 Km em sistema de dupla passagem.

Fotos: aifa.pt – Prolama

Artigo anterior

Ford Puma ST foi revelado e promete colar olhos à nuca!

Artigo seguinte

Hyundai i30 N recebe novos argumentos com o "facelift"!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.