NoticiasComunicados de Imprensa

Pré-reservas do Volkswagen ID.4 já esgotaram em Portugal

Primeiras versões disponíveis do ID.4 First chegarão a Portugal no início de 2021.

Disponível para encomenda em Portugal a um preço de 46.260 Euros na versão limitada First Edition.

Motor elétrico com 150 kW (204 cv), bateria de 77 kWh para uma autonomia máxima de 520 km (WLTP).

Pré-reserva exclusiva de edição especial – ID.4 First – limitada a 40 unidades para Portugal.

Em três semanas, todas as 40 unidades da série limitada ID.4 First disponíveis para Portugal, esgotaram-se nas pré-reservas. Os clientes que se registaram no site da Volkswagen e depositaram 1000 €, serão os primeiros a receber o novo elétrico da marca, no início de 2021.

Após o ID.3, o novo Volkswagen ID.4 é o segundo membro da família ID a chegar ao mercado e parece despertar o mesmo entusiasmo. O ID.4 combina a versatilidade de um SUV compacto com a sustentabilidade de um veículo elétrico. Conta com uma bateria de 77 kWh que alimenta um motor elétrico no eixo traseiro, com 150 kW de potência (204 cv) e autonomia máxima de 520 km (WLTP).

A edição especial ID.4 First, que foi especialmente configurada para a pré-reserva, inclui equipamentos de elevada qualidade e com um desempenho específico e é limitada a 40 unidades para Portugal. O preço de venda ao público começa em 46.260 Euros na versão especial limitada First Edition.

O novo ID.4 combina o melhor de dois mundos. A versatilidade de um SUV moderno com o desempenho sustentável de um automóvel elétrico. O ID.4 é a resposta da Volkswagen de emissões zero à contínua tendência dos SUV e o próximo passo para oferecer mobilidade neutra em termos de carbono para cada segmento.

Um SUV com a aceleração de um desportivo e ao mesmo tempo sustentável através da mais recente tecnologia de motores elétricos e baterias. Uma sensação literalmente eletrificante. A bateria de alta tensão instalada no piso da carroçaria garante um centro de gravidade ideal para a dinâmica de condução e manuseamento equilibrado. A plataforma modular para veículos elétricos do Grupo Volkswagen (MEB) confere amplo espaço no interior do veículo com dimensões exteriores compactas. As cores e os materiais no interior do veículo são modernas e acolhedores. O volume do compartimento da bagagem é de 543 a 1.575 litros, dependendo da posição das costas do banco traseiro.

O cockpit foi claramente estruturado e é quase exclusivamente controlado por funções táteis e pelo inteligente controlo de voz “Hello ID.” As funcionalidades opcionais incluem um ecrã de head-up de realidade aumentada. O sistema de navegação Discover Pro oferece serviços on-line We Connect Start a bordo enquanto os sistemas de assistência IQ.Drive assist tornam a condução ainda mais irrepreensível. Software e hardware foram projetados numa nova arquitetura que permite transferir atualizações ou novas funções para o veículo depois de o ter comprado.

Os dois modelos propostos nesta fase de lançamento – ID.4 First e ID.4 First Max – contam com uma bateria de 77 kWh que alimenta um motor elétrico no eixo traseiro, com 150 kW de potência (204 cv), o suficiente para ter uma autonomia máxima de 520 km (WLTP). Numa tomada de 125 kW o carregamento é feito rapidamente: leva apenas 30 minutos para recarregar a energia para percorrer os próximos 320 km (de acordo com o ciclo WLTP). A aceleração 0-100 km/h é de 8,5 segundos, enquanto a velocidade máxima foi limitada a 160 km/h. O ID.4 é produzido na fábrica de Zwickau, na Alemanha.

A Volkswagen foi o primeiro construtor a comprometer-se com o Acordo de Paris e pretende dar uma resposta global e eficaz à necessidade urgente de travar o aumento da temperatura média global e resolver, com determinação, os desafios ligados às alterações climáticas até 2050. Nos próximos dez anos, o Grupo pretende lançar cerca de 70 modelos 100% elétricos até 2030. Cerca de 20 modelos já estão em produção, a que se irão seguir mais cinco dezenas. Além disso, cerca de 60 modelos híbridos estão previstos até o final da década, dos quais pouco mais da metade já estão a ser fabricados.

O Grupo Volkswagen prevê a produção de aproximadamente 26 milhões de carros 100% elétricos até 2030. Cerca de 19 milhões desses veículos terão como base a Plataforma Modular Elétrica do Grupo (MEB). O Grupo estima uma produção de cerca de sete milhões de veículos híbridos no mesmo período.

Para tal, o investimento do Grupo para os próximos 5 anos será de 35 mil milhões de Euros no que diz respeito ao desenvolvimento de veículos 100% elétricos e de 11 mil milhões para veículos híbridos „plug-in“.

Artigo anterior

Alfa Romeo Giulia Quadrifoglio eleito “Desportivo do Ano”

Artigo seguinte

Conselho de Supervisão da Daimler aprova plano de negócios para o período de 2021-2025

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.