NoticiasBrinquedos sobre rodas

BMW com motos eléctricas dentro de 5 anos?

Quando se trata de futuro, este não chega apenas aos automóveis, uma vez que as motos também começam a adoptar motorizações eléctricas.

Apesar de haverem cada vez mais marcas de motos a apostar nos motores eléctricos, a BMW afirmou que as motos eléctricas só fazem sentido na utilização urbana, quem o disse foi o responsável pela BMW Motorrad Dr. Markus Schramm.

“Como apresenta o protótipo Vision DC Roadster, vemos a moto como um portfólio de energia para o futuro”, afirmou. “No ambiente urbano, é possível que haja uma moto eléctrica da BMW dentro de cinco anos. Nos segmentos de turismo, off-road e desportivas, não tenho a certeza de que a BMW venha a ter motos eléctricas. ”

A BMW Vision DC Roadster foi apresentada no evento #NEXTGen da marca em Junho como um modelo totalmente eléctrico, com uma bateria dotada com um sistema de refrigeração com dois ventiladores e frisos de refrigeração. O envio da potência para as rodas traseiras é responsabilidade de um motor eléctrico. A moto tem um design exterior diferente de qualquer outra moto da BMW e não se prevê que chegue Às linhas de produção.

“Estou convencido de que as motos são um produto cada vez mais importante, não só para a deslocação diária, mas como produto de lazer”, acrescentou Markus Schramm durante uma entrevista. “A mobilidade eléctrica terá o seu peso nas motos eléctricas e urbanas dentro de 5 anos.”

Se a energia elétrica se tornar mais comum em motos cuja sua utilização seja mais urbana, é natural que as motos mais “entusiasmantes” sigam também a via eléctrica. Contudo, sabemos que os entusiastas do motociclismo vão tentar “segurar” os motores térmicos com “unhas e dentes”.

Artigo anterior

Novo Toyota Yaris recebe componentes TRD no salão de Tóquio!

Artigo seguinte

Christophe Prévost nomeado Diretor Geral de Comércio da Região Ibérica no Groupe PSA

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.