NoticiasComunicados de Imprensa

Mercedes-Benz EQC com carregamento mais rápido

Os veículos elétricos da Mercedes-Benz estão a revelar uma crescente popularidade. A Mercedes-Benz vendeu 45.000 veículos elétricos e híbridos plug-in (xEVs) em todo o mundo no terceiro trimestre de 2020, incluindo cerca de 2.500 modelos EQC no mês de setembro. A Mercedes-Benz aperfeiçoou a especificação tecnológica de série do EQC 400 4MATIC: com efeito imediato, o modelo está equipado de fábrica com um carregador de bordo de 11 kW, o que permite reduzir significativamente o tempo do carregamento com corrente alternada (AC). As fábricas na Alemanha e na China da rede de produção global da Mercedes-Benz reagiram à crescente procura por sistemas de bateria apropriados: as capacidades de armazenamento foram aumentadas gradualmente desde o início da produção.

Com o EQC 400 4MATIC, a Mercedes-Benz lançou no mercado o primeiro veículo da marca Mercedes-Benz EQ, estabelecendo um marco importante da estratégia Ambition 2039. Com um carregador de bordo mais potente de 11 kW, o EQC recebe agora um aperfeiçoamento tecnológico e pode ser carregado mais rapidamente na residência do cliente através da Wallbox e também em postos de carregamento públicos, com corrente alternada. Isto significa que a bateria de 80 kWh pode ser carregada em 7 horas e 30 minutos desde um estado de carga de 10 até 100 %, enquanto anteriormente seriam necessárias 11 horas com um carregador 7.4 kW de potência.

Naturalmente, o processo de carregamento é ainda mais rápido em postos de carregamento de corrente contínua (DC). Através do serviço Mercedes me Charge, os clientes podem utilizar comodamente a maior rede de carregamento atual do mundo sem quaisquer preocupações. Esta rede integra atualmente mais de 350,000 postos de carregamento de corrente alternada (AC) e de corrente contínua (DC) dispersos por 26 países. Com um único registo, os clientes podem aceder comodamente aos postos de carregamento a partir de uma variedade de fornecedores, mesmo fora dos seus países de residência. No veículo ou através da Mercedes me App, os clientes recebem o respetivo preço a partir dos fornecedores mesmo antes do processo do carregamento.

O EQC foi o primeiro veículo totalmente elétrico a ser integrado na produção contínua na fábrica de Bremen da Mercedes-Benz em maio de 2019. É produzido nestas instalações na mesma linha de produção utilizada no fabrico das variantes Classe C Limo e Station, bem como dos modelos GLC e GLC Coupé. As baterias equipadas no EQC nas instalações de Bremen são fabricadas pela Accumotive na fábrica de Kamenz (na proximidade de Dresden), uma subsidiária detida na totalidade pela Mercedes-Benz. Na China, no âmbito da parceria com a Beijing Benz Automotive Co. Ltd (BBAC), o EQC e os correspondentes sistemas de bateria também são produzidos em Beijing desde finais de 2019. As capacidades de produção nas fábricas foram aumentadas gradualmente desde o início da produção.

A crescente gama de modelos da Mercedes-Benz com bateria carregável através de fonte externa (xEV) está a ser muito bem recebida pelos clientes, como comprova o aumento contínuo da procura e das encomendas recebidas. Entre julho e setembro foram entregues a clientes mais de 10.000 veículos xEV, sendo o primeiro trimestre com vendas unitárias acima desta marca. No total, foram entregues cerca de 45.000 veículos xEV em todo o mundo no terceiro trimestre, incluindo cerca de 2.500 modelos EQC em setembro. O portfolio global de produtos da Mercedes-Benz engloba agora cinco modelos totalmente elétricos e mais de 20 variantes híbridas plug-in.

Novos dados técnicos de consumos e autonomia (WLTP):

EQC 400 4MATIC

Consumo energia | 25,5-21,7 kWh/100km

Emissões | 0 g/km

Autonomia | 361-420km

Artigo anterior

Jeep lança Wrangler Rubicon com motor HEMI V8!

Artigo seguinte

Uma década de Nissan JUKE

1 Comentário

  1. 18 Novembro, 2020 a 17:46 — Responder

    Quanto custa uma bateria? pelo que sei o custo e quase metade do valor do veiculo, mau negocio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.