Ensaios

Hyundai Santa Fé 2.2 CRDi: Conforto e aventura… Q.b!

Estivemos ao volante do Hyundai Santa Fé 2.2 CRDi Premium. Um automóvel já de si bastante evoluído e atraente, junta-se a um nível de equipamento formidável nesta versão Premium.

O design do Hyundai Santa Fé é como ouro sobre azul, consegue um estilo aventureiro, urbano e ao mesmo tempo “futurista”. É fora do comum face aos outros modelos do segmento, que conseguem um design mais “aprumado” mas ao mesmo tempo mais aborrecido. O Hyundai Santa Fé consegue adoptar um estilo sempre desportivo e jovem.

Este estilo desportivo e jovem começa logo na dianteira, com uma grelha brilhante de grandes dimensões, protecções no pára-choques e molduras em torno dos faróis de nevoeiro. Estes elementos aparecem em alumínio escovado e tornam-se bastante visíveis se adoptar-mos uma cor de carroçaria mais escura.

hyundai-santa-fe-16

Os faróis são rasgados e aparecem em xénon nesta versão Premium. Durante o dia, as luzes diurnas em LED acentuam o estilo aventureiro deste Hyundai Santa Fé.

Na traseira a história repete-se, o design rompe com o que é tradicional neste tipo de automóveis. O Hyundai Santa Fé, adopta farolins traseiros de dimensões generosas com a típica assinatura luminosa da Hyundai e ainda conta com um spoiler traseiro. O difusor alberga saída dupla de escape com design rectangular.

Os vidros são escurecidos, as jantes são de 19 polegadas envolvidas em pneus 235/55 e as barras de tejadilho e os puxadores das portas contam com as cores presentes nos acabamentos metálicos. O que acentua o contraste.

hyundai-santa-fe-5

No interior o aspecto é agradável. À primeira vista parece algo confuso, no entanto, com a utilização torna-se bastante simples e acessível. O painel de instrumentos oferece algumas informações à cerca do consumo de combustível, indicações da navegação, sistemas de segurança, multimédia, manutenção e definições de algumas funcionalidades do Santa Fé.

A consola central oferece um ecrã táctil de dimensões bastante generosas. O sistema de navegação e multimédia é bastante funcional tem serviços conectados e um sistema de som Infinity com 8 colunas e 2 tweeters. A lista de equipamento no interior continua com: Ar-condicionado automático dupla zona, controlo da qualidade do ar no habitáculo, retrovisor electrocromático com bússola, Travão de estacionamento eléctrico, Porta AUX + USB, botão de ignição, cruise-control e limitador de velocidade, volante e assentos dianteiros e traseiros aquecidos, assentos dianteiros e traseiros com refrigeração, porta-luvas refrigerado, entre outros.

hyundai-santa-fe-49

A qualidade dos materiais é agradável e a montagem está próxima da excelência, não existem barulhos parasitas, mesmo em estradas irregulares e estradões de terra.

Existe muito espaço tanto nos lugares dianteiros como nos lugares traseiros. Na 3ª fila de assentos dois adultos viajam apertados, o que é normal… A bagageira conta com 634 Litros de capacidade.

Na segurança o Hyundai Santa Fé é também uma referência, conta com correcção de volante, ABS com distribuição de força na travagem, câmara de ajuda ao estacionamento em 360 graus, sensores de chuva e luminosidade, travagem de emergência, estacionamento semi-autónomo, sistema de monitorização da pressão dos pneus, entre outros.

hyundai-santa-fe-36

A posição de condução é agradável, obtemos uma postura mais alta, o facto da coluna de direcção ser regulável em altura e profundidade ajuda a obter uma posição ainda mais confortável e segura. O volante conta com alguns botões a mais que acabam por deixar de ser práticos. Conseguimos alcançar os comandos da consola central sem grande esforço.

O comportamento em estrada é bastante agradável. O Hyundai Santa fé consegue curvar bastante bem, travar de forma eficaz e a direcção está mais comunicativa, o que nos aumenta o prazer de condução. Este aumento na qualidade da direcção deve-se também ao Flex Steer com 3 modos de condução: Normal, Comfort e Sport. A direcção pode ficar mais pesada, mais leve ou no meio termo.

hyundai-santa-fe-57

O motor 2.2 CRDi conta com 200cv e 440Nm de binário. Leva o Hyundai aos 100km/h em 10,3 segundos, a velocidade máxima é de 200km/h. A potência é enviada para as rodas da frente através de uma caixa automática de 6 velocidades que se torna lenta, no entanto, os consumos não deixam de ser interessantes, conseguem ficar abaixo dos 8 Litros. Nada mau para um automóvel com 1800kg.

Tentámos colocar-nos por “maus caminhos” com o Hyundai Santa Fé, que apesar da sua postura alta e viril, depressa nos fez perceber que não é o automóvel indicado para esse tipo de andanças. Consegue surpreender em estradas de terra e terrenos pouco acidentados. No entanto, quando nos aventuramos por caminhos mais “agrestes” com lama e piso mais escorregadio notamos que se torna bastante fácil “arranhar” a carroçaria. Portanto, deixemos-nos de grandes aventuras.

hyundai-santa-fe-30

O Hyundai Santa Fé custa cerca de 58.003.20€ (pagamento a pronto, sem despesas de legalização, transporte e ecovalor). A Hyundai oferece 5 anos de garantia sem limite de quilómetros, 5 manutenção, 5 anos de check-ups gratuitos e 5 anos de assistência em viagem. Este Hyundai Santa Fé paga classe 2 nas portagens e um IUC de 252,47€.

Tiago Neves

Fotografias de: José da Palma

Artigo anterior

O Jaguar XKSS está de volta passados 60 anos!

Artigo seguinte

Audi R8 ganha a corrida de tejadilho para baixo!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *