Artigos

Alfa Romeo Stelvio First Edition 2.0 280 AT8: Elevada euforia!

Ficámos eufóricos ao testar o Alfa Romeo Giulia, que é para nós um regresso às origens do “Cuore Sportivo” da Alfa Romeo. A marca italiana “passou-se da cabeça” e decidiu criar um SUV com a plataforma de uma das melhores berlinas do momento. O Alfa Romeo Stelvio parece um Giulia de calças “arregaçadas” com prestações que prometem conquistar os mais cépticos e aumentar a euforia dos verdadeiros amantes da marca italiana!

As linhas são belas e adoptam os pormenores requintados e apaixonantes que só os designers italianos tem excelência para atingir. O Alfa Romeo Stelvio transpira pedigree quando passa, e ninguém fica indiferente a um automóvel tão “Sexy”.

A frente é predominada pelas ópticas rasgadas com a assinatura luminosa da marca e conta com a bela grelha em forma de “decote” que é típica da Alfa Romeo. O pára-choques dianteiro parece ter sido herdado do Alfa Romeo Giulia, mas não lhe fica mal de forma alguma. Contamos com entradas de ar de tamanho generoso que acentuam o carácter desportivo e destemido do novo SUV.

Nas laterais encontramos robustez, com uma linha de cintura alta, que deixa pouco espaço para as janelas e muito espaço para as portas, o que nos transmite uma ideia de segurança e imponência ainda maior. As jantes raiadas de 20 polegadas são envolvidas em pneus 255/45R20 e albergam estribos de travão que poderão ser acabados a preto, amarelo ou vermelho e nunca prescindem dos dizeres: “Alfa Romeo”.

A traseira termina em formato “coupé”, mas é curta e “subida”. Podemos dizer que acaba por ser “intrigante”. É portadora de uma elegância extrema que não deixa para trás o estilo “sensual” e desportivo, albergando duas saídas de escape de tamanho bastante generoso e um difusor que é facilmente distinguível relativamente à carroçaria. O spoiler traseiro é grande e pouco comum para o estilo de automóvel.

Em toda a carroçaria os plásticos parecem ser “tímidos” e encontram-se apenas numa curta porção das extremidades, o que faz com que o “Stelvio” adopte um estilo mais “premium” e não tenha plásticos em excesso.

Os puristas e amantes da marca mostraram-se muitas das vezes “pouco” receptivos à criação de um SUV. Podia ser sacrilégio, mas não o é! Basta vermos atentamente o Alfa Romeo Stelvio, para percebermos que estamos perante um SUV italiano que come alemães ao pequeno almoço!

No interior contamos com uma qualidade de construção e materiais digna de registo, muito equipamento nesta versão First Edition e espaço que nunca mais acaba! Esqueçam os Alfa Romeo acanhados e tímidos! O interior é limpo, dotado de boas combinações e bom gosto. É minimalista e focado no condutor, sentimo-nos em sintonia com o Stelvio em toda e qualquer situação. Os assentos oferecem um excelente apoio lombar, o volante é ergonómico, tem um corte desportivo e os comandos são acessíveis e bastante intuitivos.

Nesta versão First Edition contávamos com ar-condicionado automático dupla-zona com saídas para os lugares traseiros, assentos em couro, sistema de ajuda ao estacionamento(opção), patilhas da caixa no volante(opção), tejadilho panorâmico (opcional), vidros traseiros escurecidos, portão automático da bagageira(opção), cruise-control, controlo por voz, pedais em alumínio, ecrã táctil de 8,8 polegadas(opção), entre outros equipamentos e vários opcionais. Esta foi a primeira versão do Alfa Romeo Stelvio, que saiu para os que não conseguiram controlar a ansiedade de ter o novo e primeiro SUV da marca italiana.

Como dissemos anteriormente, o espaço do Alfa Romeo Stelvio é uma referência, pois viajamos à vontade nos lugares dianteiros e traseiros e temos uma bagageira generosa com 525 Litros de capacidade.

O sistema de navegação e multimédia da Alfa Romeo conta com rádio, MP3, entrada auxiliar, Bluetooth®, reconhecimento de voz avançado, comandos no volante e funcionalidade mãos-livres para chamadas telefónicas. Tudo aparece num ecrã de 8,8 polegadas com boa definição de imagem. Este sistema poderá ser manuseado por um botão rotativo.

É quando estamos no lugar do condutor que tudo faz mais sentido, ou não seria a Alfa Romeo uma marca para quem gosta realmente de conduzir. É difícil sentir a envolvência do Alfa Romeo Stelvio, noutro qualquer SUV, até porque são poucos os SUV com um comportamento dinâmico semelhante ao do Alfa Romeo Stelvio e podemos até dizer que não existe nenhum… Pelo menos por este valor!

A versão que ensaiamos contava com o motor 2.0 Litros a gasolina com 280cv e 400Nm de binário. Este motor é bem capaz de despertar todos os nossos sentidos, enquanto nos convida a acelerar mais e mais. Sentimos confiança na caixa automática de 8 velocidades que é rápida como uma flecha e não se nega às reduções bruscas de quem quer fazer uma curva no limite.

Relembramos que o Alfa Romeo Stelvio 2.0 de 280cv com a caixa AT8 consegue uma aceleração dos 0 aos 100km/h em apenas 5,7 segundos e uma velocidade máxima de 230km/h. Uma aceleração equivalente à de um Audi SQ5 ou mesmo de um Porsche Macan GTS que tem potencias a rondar os 360cv.

É em termos dinâmicos que o Alfa Romeo Stelvio se distingue mais do que qualquer outro SUV. A prova não está apenas nos tempos mais rápidos dos SUV em Nurburgring com a versão Quadrifoglio, mas encontramo-la a partir do momento em que o conduzimos.

É um automóvel com um chassi formidável, que nos oferece confiança suficiente para abordar certas curvas como se de um desportivo se tratasse. A inserção precisa faz-se acompanhar de uma tracção inabalável devido ao bom chassi, boa distribuição do peso e barra anti-aproximação, assim como o sistema de tracção integral com diferencial autoblocante.

O Alfa Romeo Stelvio tem tracção maioritariamente na traseira e a potencia é enviada a 50% para as rodas dianteiras se for necessário. Com o DNA podemos adequar o Alfa Romeo Stelvio às nossas necessidades.

Conta com 3 modos de condução: All-Weather, Normal e Dynamic. No modo All-Weather contamos com os sistemas de ajuda à condução em modo de “alerta” de forma a conseguirmos circular com maior segurança num piso mais escorregadio. Também o acelerador fica mais lento, para evitar reacções bruscas e ainda conseguimos privilegiar os consumos de combustivel. No modo “Dynamic” extraímos o melhor do que o Stelvio tem para oferecer, coloca a direcção mais comunicativa e com um melhor feedback, o acelerador por sua vez torna-se mais sensível e a caixa torna-se mais rápida, na travagem também podemos contar com uma maior eficiência. No modo “normal” o automóvel reúne as condições ideais para uma utilização quotidiana, a potencia está ao serviço do pé direito de uma forma menos brusca que no modo sport e a direcção apesar de comunicativa não se sente tão firme.

No que toca aos consumos de combustivel, o Alfa Romeo Stelvio conseguiu no nosso ensaio uma média de 10,2 Litros a cada 100km em percursos mistos. Para isso é só resistir à tentação de “abusar” do pé direito e abusar do modo “All-Weather”.

Na segurança o Alfa Romeo Stelvio é também uma referência, pelos menos, é o que dizem os senhores da EuroNCap, onde obteve 97% na segurança dos adultos, 84% na segurança das crianças, 71% na segurança para os peões e 60% nos sistemas de ajuda à condução.

O Alfa Romeo Stelvio está disponivel a partir de 58.200,00€ a versão ensaiada custava 67.200€. Emite 161g/km de CO2 e paga de IUC 232,57€.

Artigo anterior

Jeep ao abrigo da FCA em Portugal!

Artigo seguinte

Esta é a história mais recente.

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *